Relatório de Gestão Fiscal

Revista

Projeto de Expansão

Notícias

Defensora Geral apresenta balanço da gestão 2018

AddThis Social Bookmark Button

Nesta quarta-feira (19/12), a defensora pública-geral de Goiás, Lúcia Silva Gomes Moreira, apresentou o balanço geral das ações desenvolvidas pela Defensoria Pública do Estado de Goiás em 2018, por meio da Revista Gestão 2018 (que será disponibilizada eletronicamente). Na ocasião, foi empossado pelo Conselho Superior da Defensoria Pública do Estado de Goiás (CSDP) o defensor público-geral de Goiás eleito, Domilson Rabelo da Silva Júnior, que passa a exercer o cargo a partir de 1º de janeiro de 2019.

Lúcia Moreira destacou jamais ter imaginado que um dia assumiria o cargo de defensora geral. Refletindo sobre as conquistas, ela citou as quatro missões que definiu como prioridade de sua gestão: a aprovação da Lei Orgânica da DPE-GO, a busca por isonomia salarial dos membros com as demais carreiras jurídicas, a continuidade das tratativas para obter a cessão do terreno do Município de Goiânia para a construção da sede da Defensoria Pública e a conquista de um espaço que trouxesse identidade para a DPE-GO. “Eu jamais imaginava que nós conseguiríamos realizar tudo isso”, avaliou.

A defensora geral recebeu homenagens e agradeceu o trabalho de todos os defensores públicos, servidores, estagiários e voluntários da Defensoria. “As portas dos gabinetes que se abriram para nós não abriram sozinhas, foi o trabalho de vocês defensores que lidam diretamente com o assistido e também dos servidores que as abriram”, ressaltou e ainda completou dizendo que “é a soma de todos os esforços que nos torna vencedores”.

Domilson Rabelo, que assume o cargo de defensor geral em janeiro frisou ter consciência da grande responsabilidade que assumirá e conclamou os demais membros a serem parte fundamental nessa nova fase. Destacou ainda que implementará uma gestão técnica que produzirá resultados na vida de todos e, principalmente, do assistido.

Durante a sessão do CSDP, o segundo subdefensor público-geral de Goiás, Saulo Carvalho David, que também se despede da gestão, revelou que o maior desafio do serviço público hoje é cumprir o Artigo 98 do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias. Responsável pela elaboração do Projeto de Expansão da DPE-GO, Carvalho entregou o estudo revisado ao novo defensor geral. Ele ainda pontuou que “dar o melhor de si” é o caminho para que a Defensoria Pública possa se tornar ainda melhor.

 

 

Dicom/DPE-GO