Relatório de Gestão Fiscal

Doações

Revista

Projeto de Expansão

Notícias

NUDH/DPE-GO e MPT-GO iniciam aulas do projeto de empregabilidade para população de rua

AddThis Social Bookmark Button

Começaram, nesta segunda-feira (03/06), as atividades do projeto Longe das Ruas, Perto dos Sonhos, de empregabilidade para população de rua, que conta com 44 alunos. A realização desta ação é uma parceria entre o Núcleo Especializado de Direitos Humanos (NUDH/DPE-GO), Ministério Público do Trabalho em Goiás (MPT-GO), Organização Internacional do Trabalho (OIT) e o Tribunal Regional do Trabalho de Goiás (TRT-GO). Nesta primeira semana as aulas serão ministradas na sede do MPT-GO, na avenida T-63, n° 1680, Setor Nova Suíça, em Goiânia.

De 3 a 7 de junho, os inscritos terão aulas de poesia falada com a atriz e escritora Elisa Lucinda. De 10 a 14 do mesmo mês, serão dadas palestras, orientações e minicursos. E no dia 17 de junho terão início os cursos de assistente de cozinha e de construção civil, que foram os mais solicitados pela população em situação de rua em pesquisa realizada pelo NUDH. Ambos os cursos serão ministrados pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI).

Os temas dos cursos foram sugeridos e solicitados pelos próprios integrantes da população em situação de rua, durante várias entrevistas e atendimentos realizados pelo Núcleo Especializado de Direitos Humanos nos últimos meses na Casa de Acolhida 1 e 2 e no Centro POP, como sendo as áreas de maior interesse de atuação e trabalho. Alguns informaram, ainda, ser um sonho realizar a capacitação nas áreas oferecidas, como a de culinária.

“O projeto Sonhos, desenvolvido entre as instituições, têm por objetivo o fornecimento não apenas do trabalho ou capacitação, mas garantir a dignidade dessa população em situação vulnerável, garantindo-se a reconstrução da identidade, da autonomia e da autodeterminação”, explica a coordenadora do NUDH, defensora pública Fernanda Fernandes.

Para tanto, as primeiras semanas do curso terão palestras voltadas a educação em direitos, a cultura, por meio da poesia, a arte, por meio de aulas de fotografia, e a reconstrução da linguagem. A dignidade também e garantida por meio de orientação e assistência jurídica integral, realizada antes mesmo do curso, que assegura o acesso gratuito à documentos de Certidão de Nascimento, Identidade e o acesso a direitos fundamentais, como inclusão no sistema de educação para os filhos dos candidatos, pensão alimentícia à reconhecimento de paternidade, entre outros direitos promovidos por meio da parceria entre o MPT e o NUDH.

Dicom/DPE-GO com informações do MPT-GO